Ir para o conteúdo

Adolescente é apreendida por matar mãe que não aceitava namoro com homem mais velho

A adolescente, que na época do crime tinha 16 anos, foi morar com o namorado depois de matar a mãe.

Homicídio ocorreu em Arapiraca, interior de Alagoas

Uma adolescente foi apreendida no Rio de Janeiro na casa do namorado. Ela é suspeita de matar a mãe envenenada em 2022, na cidade de Arapiraca, interior de Alagoas. O namorado da jovem de 50 anos também foi preso. Segundo a polícia, a vítima foi envenenada porque não aceitava o relacionamento da filha com o homem. As informações são do G1.

Segundo o delegado Everton Gonçalves, o homem foi preso no bairro de Bonsucesso quando saía de uma agência bancária, já a adolescente foi apreendida em sua residência localizada na Comunidade da Maré, na cidade do Rio de Janeiro. A adolescente, que na época do crime tinha 16 anos, foi morar com o namorado depois de matar a mãe. Os dois são suspeitos do homicídio.

De acordo com as investigações, a vítima identificada como Valdicléia da Silva Ferreira ingeriu veneno durante o jantar preparado pela filha. Ela passou mal e foi levada para o Hospital Metropolitano, mas morreu quatro dias depois.

O laudo da Polícia Científica apontou que a vítima ingeriu um inseticida empregado em culturas agrícolas para controle de pragas e que, segundo o Ministério da Saúde, é altamente tóxico.

Os dois serão trazidos para Alagoas e ficarão à disposição da Justiça. A prisão e a apreensão contou com a atuação da Polícia Civil de Alagoas e do Rio de Janeiro.

Publicidade TCE
Publicidade UEA
Publicidade CMM

Mais Recentes