Ir para o conteúdo

Cães do Corpo de Bombeiros auxiliaram trabalho de busca por corpo em Presidente Figueiredo

Os cães da corporação têm preparo para busca e resgate em ambientes de selva, aquático e terrestre

Os cães de resgate do Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM) auxiliaram, na noite de sexta-feira (05/01), no trabalho de busca por um corpo enterrado em área de mata no município de Presidente Figueiredo (a 117 quilômetros da capital). O auxílio no trabalho de busca foi solicitado pela Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), que atua na investigação do desaparecimento da venezuelana Julieta Inés Hernández Martínez, desaparecida desde o dia 23 de dezembro.

Os três animais estão sendo preparados pela corporação desde a fase de filhotes e com este caso iniciaram a atuação operacional. “Nossos três cães estão sendo preparados ao longo de meses por instrutores bombeiros especializados, para atuar em ocorrências de buscas e resgate. Ontem fomos acionados pela Polícia Civil para auxiliar no trabalho de busca em Figueiredo. Ao chegarem no local, em uma área de mata, os cães conseguiram identificar o ponto exato onde havia sido enterrado o corpo”, destacou o comandante-geral do CBMAM, coronel Orleilso Muniz.

Os cães Kira e Hela foram enviados juntamente com seus respectivos instrutores bombeiros, cabo Ferraz e cabo Pantoja. Além dos dois animais que atuaram nesta missão, também há o terceiro cão, chamado Fire. Os três animais foram doados ao Corpo de Bombeiros pela Polícia Militar do Amazonas (PMAM).

Buscas em Presidente Figueiredo

O corpo encontrado foi enviado ao Departamento de Polícia Técnico-Científico (DPTC), que irão trabalhar na identificação para confirmar se se trata de Julieta Inés Hernández Martínez, desaparecida desde o dia 23 de dezembro.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), durante as buscas pela região, os policiais localizaram inicialmente partes da bicicleta que Julieta Hernández utilizava, o equipamento estava nas proximidades onde foi localizado o corpo. O local é próximo de um refúgio onde a mulher estava hospedada.

A SSP-AM informa, ainda, que um casal foi preso pela Polícia Civil do Amazonas (PC-AM) suspeito de envolvimento no crime. Eles passarão por oitivas na delegacia local. O caso segue sob investigação e mais informações não podem ser repassadas no momento.

Publicidade TCE
Publicidade UEA
Publicidade CMM

Mais Recentes