Ir para o conteúdo

Centro ganha reforço na segurança com apoio de câmeras de videomonitoramento

Todos os veículos que ingressarem na área central passam a ser monitorados pelo “Paredão”

Paredão está interligado ao Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops)

A área central de Manaus vai ganhar reforço na segurança a partir do apoio das câmeras do Cerco Inteligente de Videomonitoramento, o ‘Paredão’. De acordo com o secretário de Segurança Pública, coronel Vinícius Almeida, os equipamentos vão monitorar locais estratégicos com o objetivo de coibir a ação de criminosos. Toda a operação conta, ainda, com a parceria da Associação Comercial do Amazonas (ACA).

De acordo com o secretário, as imagens serão disponibilizadas para a 24ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) e Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (DERFD).

O Paredão é uma das principais ferramentas de auxílio para o sistema de Segurança Pública. Formado por um conjunto total de mais de 500 câmeras, instaladas na capital, sendo capaz de monitorar em tempo real o que acontece na cidade. Esses recursos têm auxiliado as polícias Militar (PMAM) e Civil (PC-AM) na elucidação, em menos de 24 horas, de crimes que envolvem veículos e outros casos.

Como por exemplo, o assalto que ocorreu durante uma festa de casamento. Foi por meio, além do trabalho de inteligência, do monitoramento das câmeras que foram identificados e presos três suspeitos, na última quarta (20/12).  A operação que culminou na prisão do trio foi realizada pelas Forças de Segurança do Amazonas, por meio da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), Polícia Civil do Amazonas (PC-AM) e Secretaria Executiva Adjunta de Inteligência (Seai).

Dados

Segundo o Centro Integrado de Estatística de Segurança Pública (Ciesp), o Amazonas mantém o segundo lugar no ranking de redução de roubos de veículos, em 2023. Além de ter auxiliado a Delegacia Especializada em Acidentes de Trânsito (Deat), na elucidação de 85% dos casos de acidentes de trânsito com vítima fatal.

O coordenador do Centro Integrado de Análise de Imagem de Segurança Pública (Ciaisp), tenente-coronel Carlos Eduardo, ressaltou que o Paredão auxilia na agilidade durante a abordagem policial. Além disso, tem contribuído para a redução dos crimes de roubo em geral na cidade de Manaus.

“O Cerco tem ajudado as viaturas a localizar com maior precisão e velocidade os veículos com restrição e aqueles que estão cometendo crimes na cidade. Tem contribuído, também, para a redução dos crimes de roubo em geral na cidade de Manaus, principalmente os roubos de veículos, roubos a transeuntes, roubos em estabelecimentos comerciais”, informou.

Operacionalização

O Paredão está interligado ao Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops) e pode ser operacionalizado de maneira integrada pelas forças de segurança pública do Estado. O sistema formado por 500 câmeras possui tecnologia capaz de auxiliar na prevenção, investigação e solução de crimes como roubos, furtos e homicídios.

O sistema permite identificar, avaliar, acompanhar e coordenar ameaças reais ou potenciais, buscando prevenir, neutralizar e reprimir atos criminosos de qualquer natureza que atentem contra à ordem pública e à segurança de pessoas e patrimônios.

Publicidade TCE
Publicidade UEA
Publicidade CMM

Mais Recentes