Ir para o conteúdo

Com apoio da Atem, procuradores ambientais se reúnem para discutir sustentabilidade

Grupo valoriza o DNA amazônida e a agenda ambiental, e investiu R$ 47 milhões em neutralização de carbono

O evento seguirá até sábado (16)

Com patrocínio do Grupo Atem, o Centro Cultural Palácio da Justiça recebeu, na noite de quarta-feira (13), o 3º Encontro Nacional de Procuradorias do Meio Ambiente (ENPMA). O evento seguirá até sábado (16), com palestras de especialistas na área ambiental e debates sobre a relação entre a advocacia pública e a concretização dos 17 objetivos de desenvolvimento sustentável estabelecidos pela ONU.

“O Grupo Atem nasceu no Amazonas e tem um vínculo muito forte com a terra, as pessoas e a floresta. Por isso, o compromisso ambiental é uma de nossas agendas prioritárias”, afirmou o CEO do grupo, Fernando Aguiar.

Além do patrocínio ao 3º ENPMA, o Grupo Atem possui diversos projetos voltados para a preservação ambiental e o desenvolvimento social, como o “Orla Limpa” e o investimento de mais de R$47 milhões em  crédito de carbono, para neutralização de todo o combustível distribuído. A empresa também tem parcerias na área científica para monitoramento da qualidade da água dos rios, além de iniciativas educacionais.

Programação
A abertura do evento foi marcada pela palestra do presidente do Instituto de Inteligência Socioambiental Estratégica da Amazônia, Alexandre Almir Ferreira Rivas, com o debate sobre os objetivos do desenvolvimento sustentável e o papel das Procuradorias do Meio Ambiente e da gestão pública na concretização da Agenda 2030.

Na quinta-feira (14/03), as atividades começam às 8h30, com a realização do painel “Sustentabilidade e a Agenda 2030 da ONU”, que será conduzido pelo chefe da Procuradoria do Meio Ambiente da PGE-AM, procurador Luis Eduardo Dantas; pelo procurador do Estado do Amazonas José Gebran Batoki Chad; pelo procurador do Estado de Minas Gerais Lyssandro Norton Siqueira; e pela advogada Rhavena Madeira.

Ainda pela manhã, o painel 2, com o tema “Direitos Humanos, Proteção ao Meio Ambiente e Igualdade”, terá a participação da desembargadora do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) Vânia Maria do Perpétuo Socorro Marques Marinho; da procuradora do Estado do Amazonas Aline Teixeira Leal Nunes; e das procuradoras do Estado da Bahia Cristiane Guimarães e Maristela Barbosa Santos.

No sábado (16/03), o grupo visita a Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) do Rio Negro, situada entre os municípios de Manacapuru, Iranduba e Novo Airão.

O evento é uma realização da Associação Nacional dos Procuradores dos Estados e do Distrito Federal (Anap) e a Associação dos Procuradores do Estado do Amazonas (Apeam). Além do Governo do Amazonas e do Grupo Atem, o 3º ENPMA conta com o apoio da Procuradoria Geral do Estado (PGE-AM); da Agência Amazonense de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental (Aadesam); da Secretaria do Meio Ambiente (Sema) e Secretaria de Cultura e Economia Criativa.

Publicidade TCE
Publicidade CIESA
Publicidade UEA

Mais Recentes