Ir para o conteúdo

'Gracias, Diego! Te amo!' Argentino mostra cortejo de Maradona em vídeo enviado ao BMA

O ex-combatente argentino Cláudio Rica, 59,  que hoje roda Buenos Aires de ponta a ponta como taxista, parou seu carro às 01h da madrugada na Avenida  Panamericana para saudar o cortejo conduzindo o corpo de Diego  Armando Maradona, morto na  quarta-feira, 25/10, que passava a caminho da funerária onde seria preparado para o velório na Casa Rosada.

Cláudio, que lutou na guerra das Malvinas – durante o período de 2 de abril e 14 de junho de 1982 –,  quando servia como sargento nas Forças Armadas Argentinas, filmou o momento quando os argentinos que àquela hora estavam na rua saudavam o caixão de Maradona  estravassando seus sentimentos com gritos de “eu te amo Diego”, “gracias, Diego!”, “Diego, te quiero!”,  “graças por ter me feito chorar”, “Graças Diego, te amo!”, “Fizeste feliz teu ovo, Diego!”, "Gracias Diego, por tudo que fizeste por teu país e por tas posições políticas!"

V;ideo enviado ao BMA

Ele enviou na madrugada o vídeo para o Blog do Mário Adolfo e informou que após preparado, o corpo de Dieguito seria levado para a Casa Rosada, onde passaria a ser velado nas primeiras horas da manhã de hoje.

—  Torço pelo River Plate, o maior adversário do Boca Juniors, mas tenho a consciência da grandeza de Maradona. Morreu um grande jogador de futebol, um homem  que deu a conhecer a Argentina. Era um deus d futebol, mas sua vida era muito complicada. Que Deus o tenha na glória! –, declarou o argentino, que hoje lidera o movimento os taxistas contra o sistema de Uber, luta intensa em Buenos Aires..

.

Publicidade ENEVA
Publicidade ATEM
Publicidade TCE
Publicidade BEMOL
Publicidade UEA

Mais Recentes