Ir para o conteúdo

Governo do AM e Eneva assinam termo de cooperação para instalação do Cetam em Silves

Com inauguração prevista para 2024, futura escola técnica vai ofertar cursos técnicos como o de Eletromecânica e de Gás e Energia

Termo de cooperação foi assinado nesta segunda-feira

O governador Wilson Lima assinou, nesta segunda-feira (30), termo de cooperação técnica com a empresa Eneva para a reforma e adequação da Escola Estadual Agobar Garcia, em Silves (a 240 quilômetros de Manaus), para se tornar a futura Escola de Formação Técnica de Gás e Energia do Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam). A unidade terá 12 salas, laboratórios, biblioteca e deve atender 1,2 mil alunos por ano.

Segundo o governador, a oferta de capacitação da mão de obra, por meio dos cursos do Cetam, é uma contrapartida social da empresa que vem tornando o Amazonas uma referência na exploração e produção do gás natural e também consolida uma nova matriz econômica para o estado.

“Fico muito feliz com a disposição da Eneva em cumprir o que a gente havia conversado sobre as contrapartidas sociais. Claro que tenho interesse que a empresa venha para o Amazonas, tenha lucro e se viabilize, mas meu interesse principal são essas contrapartidas sociais. É isso que eu, enquanto homem público, viso, trabalhar para gerar emprego, gerar renda“, destacou o governador Wilson Lima.

Participaram do encontro com o governador na sede do Governo do Amazonas, o CEO da Eneva, Lino Cançado; o diretor de Relações Externas, Damian Popolo; o Gerente de Relacionamento Institucional, Rômulo Florentino; e o Relacionamento Institucional para o Norte da empresa, Márcio Lira.

Também estiveram o deputado estadual Felipe Souza, líder do Governo na Assembleia Legislativa do Amazonas; e os secretários estaduais Serafim Corrêa (Sedecti), Ronney Peixoto (Semig); Juliano Valente (Ipaam), Lúcia Carla Gama (UGI) e o diretor-presidente do Cetam, Fábio Albuquerque.

Novo Cetam em Silves

A unidade será a sexta em prédio próprio do Cetam no interior do Amazonas e a segunda a ser entregue pelo governo Wilson Lima. O novo espaço deve ser entregue em 2024.

O Termo de Cooperação, que também inclui oferta de equipamentos por parte da empresa, abrange a oferta dos seguintes cursos pelo Cetam: Técnico em Gás e Energia; Técnico em Eletromecânica; Técnico em Agropecuária; e Qualificação em Instrumentação. Esses cursos ofertados terão carga horária mínima de 800 horas, concluídos em dois semestres.

A unidade educacional em Silves saiu da gestão da Secretaria de Educação e Desporto Escolar e passou para o controle do Cetam e dispõe espaços administrativo e pedagógicos, salas de aulas tradicionais e uma biblioteca, além de áreas comuns.

Atualmente, o Cetam em Silves atende 280 alunos divididos em cursos técnicos de Petróleo e Gás (45 em duas turmas), Segurança do Trabalho (21), Eletrotécnica (30), Florestas (28), Enfermagem (36); e cursos de Qualificação Profissional em Agente de Portaria (25), Assistente Administrativo (25), Operação em Logística (25), Almoxarife (25) e Auxiliar de Contabilidade (20).

Publicidade BEMOL
Publicidade ATEM
Publicidade TCE
Publicidade UEA

Mais Recentes