Ir para o conteúdo

Governo do RS prevê prejuízo de R$ 100 milhões nas áreas afetadas pela chuva

A previsão indica um aumento do volume de chuva nas regiões Noroeste, Sul, Região Central e Região Metropolitana

Foto: Maurício Tonetto/Secom / Porto Alegre 24 horas.

O governo do RS se reuniu na manhã desta quarta-feira (1º) no Gabinete de Crise montado para monitorar a situação das regiões afetadas pelo temporal desta semana. Um levantamento preliminar estima prejuízos de R$ 100 milhões nas áreas afetadas pelas chuvas.

O grupo composto por secretários e representantes das forças de segurança, sob a liderança do vice-governador Gabriel Souza, atualizou as condições meteorológicas do Estado para as próximas horas. A chuva deve persistir até a próxima sexta-feira (3) e, em algumas regiões, podem acabar se intensificando.

"Seguimos priorizando o trabalho de resgate de pessoas em áreas isoladas e ilhadas, com apoio das aeronaves da Aeronáutica e uso dos equipamentos do Estado. Há uma preocupação especial com as barragens em situação de alerta, com risco de rompimento e alagamento por conta de cotas muito elevadas. Já estamos adotando o plano de contingência nessas localidades, com apoio das prefeituras, para retirar moradores das áreas próximas", explicou Gabriel Souza.

A previsão indica um aumento do volume de chuva nas regiões Noroeste, Sul, Região Central e Região Metropolitana. O principal reflexo é a elevação do nível dos rios Caí e Taquari, que já ultrapassaram a cota de inundação.

Temporal causa deslizamento de terra em rodovia no RS
Publicidade ENEVA
Publicidade ATEM
Publicidade TCE
Publicidade BEMOL
Publicidade UEA

Mais Recentes