Ir para o conteúdo

Vídeo: juiz dá voz de prisão a delegado de Carauari durante inspeção em delegacia

O delegado encaminhou uma denúncia ao MPAM acusando o juiz de facilitar a entrada de telefone no estabelecimento prisional

O delegado Régis Celeghini, titular da 65° Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Carauari (a 788 quilômetros de Manaus), recebeu voz de prisão do juiz Jânio Tutomu Takeda após acusar o magistrado de corrupção. A ação aconteceu durante inspeção na delegacia do município, que foi filmada pelo delegado.

O delegado encaminhou uma denúncia ao MPAM acusando o juiz de facilitar a entrada de telefone no estabelecimento prisional. No documento, é relatado que um preso, em posse de um celular, alegou ao delegado que fazia "serviços" para o juiz, e por isso estava com o aparelho. A denúncia também acusa o juiz de favorecimento pessoal e facilitação de fuga de preso.

Durante a inspeção, o delegado fala ao magistrado sobre a situação das celas: “Na minha visão isso tudo tá irregular”. O magistrado pede para que o oficial passe isto por escrito.

Em seguida, Régis afirma que denunciou o juiz ao Ministério Público do Amazonas (MPAM) “por se um dos maiores elementos de corrupção da cidade”.

Surpreso, o magistrado questiona: “Quem? O senhor está me acusando?”. E o delegado responde: “Eu estou te informando que eu te denunciei”. Em seguida, o juiz dá voz de prisão: “Tu está preso então agora. Pode recolher ele”, afirmou.

Após a voz de prisão, o juiz nomeou um investigador como delegado do município e disse que não iria mais falar com o delegado.

Ao G1, Régis Celeghini relatou que apesar da determinação do juiz ele não foi detido e deve retornar para Manaus.

0:00
/
Publicidade TCE
Publicidade UEA
Publicidade CMM

Mais Recentes