Ir para o conteúdo

‘Lucas Picolé’ é preso outra vez suspeito de operar esquema de rifas ilegais

“Eu não divulguei nada disso. Criaram um perfil fake e divulgaram como se fosse eu", defendeu-se.

A prisão foi realizada pelo 1º Distrito Integrado de Polícia (DIP). 

O influenciador Lucas Picolé foi preso, nesta quarta-feira (24), em um balneário de Manaus. Nas suas redes sociais, Lucas chegou a publicar alguns stories afirmando que é inocente e falando sobre perseguição. A prisão foi realizada pelo 1º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

Em 2023, Lucas foi preso durante a ‘Operação Dracma’ contra o esquema de venda de rifas ilegais por meio das redes sociais, mas responde a outro processo por tráfico de drogas, associação para o tráfico de drogas, posse irregular de munição de uso restrito e adulteração de sinal identificador de veículo automotor.

Na decisão proferida pela juíza Aline Kelly Ribeiro Marcovicz, com relação às rifas irregulares, Lucas Picolé teve a prisão preventiva revogada, sendo substituídas por medidas educativas.

De acordo com a Polícia Civil (PC- AM), o esquema fraudulento de rifas clandestinas movimentou R$ 5 milhões em dois anos, e era conduzido por um grupo que envolvia Aynara Ramilly, Enzo Felipe da Silva Oliveira ‘Mano Queixo’, Isabelly Aurora Simplício Souza, João Lucas da Silva Alves ‘Lucas Picolé’, Paulo Victor Monteiro Bastos – ex-marido de Isabelly Aurora, Isabel Simplício – mãe de Isabelly Aurora, Marcos Vinicius Alves Maquiné e Fláva Ketlen Matos da Silva – cunhada de ‘Lucas Picolé’.

“Eu não divulguei nada disso. Criaram um perfil fake e divulgaram como se fosse eu! Eu cheguei a pedir até pra vocês denunciarem. Agora a polícia tá atrás de mim”, desabafou Lucas para seus seguidores.

Publicidade TCE
Publicidade UEA
Publicidade CMM

Mais Recentes