Ir para o conteúdo

Lutador de MMA é preso por agredir e ameaçar de morte a ex-namorada

Em depoimento, Thiago afirmou que esse tipo de agressão era comum entre o casal

Thiago de Melo foi preso na segunda-feira, após sua foto ser divulgada

O lutador de MMA, Thiago de Melo, de 34 anos, se entregou à polícia, na noite de segunda-feira (20), após ser acusado de agressão física, injúria e ameaça contra sua ex-namorada, de 31 anos. As informações foram divulgadas nesta terça-feira (21), durante coletiva de imprensa.

Os crimes ocorreram no dia 5 de maio deste ano, em Manaus. Na osacião, a vítima começou a ser agredida pelo ex-companheiro em frente a própria residência e, quando os dois entraram na casa, ele a agrediu ainda mais, de acordo com a titular da Delegacia Especializada em Crimes Contra a Mulher (DECCM) Centro-sul, delegada Patrícia Leão.

“Os vizinhos ouviram os pedidos de socorro. Ela veio até a delegacia e solicitou uma medida protetiva contra esse homem. Ela já estava vivendo em um ciclo de violência nessa relação, mas não conseguia identificar e romper”, esclareceu.

Conforme a delegada, assim que o caso foi apresentado e analisado, foi feita uma representação pela prisão preventiva de Thiago. As investigações geraram provas o suficiente para que o Poder Judiciário decretasse a prisão do lutador.

“Após essas diligências, saímos em busca dele, mas não conseguimos localizá-lo. Após a divulgação da imagem dele pelos meios de comunicação, e com a população pressionando e a própria vítima expondo o caso nas redes sociais, ele se entregou à polícia na noite de ontem”, informou.

A titular da especializada relatou que, em depoimento, Thiago afirmou que esse tipo de agressão era comum entre o casal. O homem está preso e será indiciado por agressão física, injúria e ameaça.

Publicidade ENEVA
Publicidade ATEM
Publicidade TCE
Publicidade BEMOL
Publicidade UEA

Mais Recentes