Ir para o conteúdo

Mais de 25 mil passageiros utilizaram os transportes intermunicipais no Natal

Reforço na fiscalização da Arsepam ocorreu durante quatro dias

A Operação Natal Feliz ocorreu nos modais rodoviário e hidroviário - Foto: Divulgação

De 22 a 25 de dezembro, 25.815 pessoas utilizaram os transportes intermunicipais fiscalizados e coordenados pela Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados e Contratados do Amazonas (Arsepam). A Operação Natal Feliz ocorreu nos modais rodoviário e hidroviário.

Setecentas e noventa e duas fiscalizações foram feitas no período, sendo 510 no modal rodoviário e 282 no hidroviário. A operação contou com o apoio do Batalhão de Policiamento de Trânsito (BPTran), da Polícia Militar do Amazonas (PMAM); da Superintendência Estadual de Navegação, Portos e Hidrovias (SNPH); e do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM).

O diretor-presidente da Arsepam, João Rufino Júnior, informou que os trabalhos ocorreram sem grandes intercorrências. Na ação, ele destacou que os fiscais distribuíram panfletos contendo algumas dicas para se ter uma viagem segura.

“Foi uma operação tranquila seguindo a orientação do governador Wilson Lima. Não registramos nenhum incidente. Foi um trabalho com excelência e em conjunto com outros órgãos da estrutura do Governo do Estado”, disse o gestor.

Rodoviário

No transporte rodoviário intermunicipal, 7.962 pessoas usaram o serviço para chegar a Manaus ou acessar outros municípios do estado. O posto com maior saída foi o Terminal Rodoviário Engenheiro Huascar Angelim – Rodoviária de Manaus, no bairro Flores, zona centro-sul de Manaus, com 5.072 passageiros, representando 19,64% do total de usuários da operação.

Depois vem o da Ponte Jornalista Phelippe Daou (Ponte Rio Negro), em Iranduba (a 27 quilômetros de Manaus), com 1.940 passageiros; em terceiro a Barreira de Fiscalização Estadual (AM-010 e BR-174), bairro Santa Etelvina, zona norte, com 950. A Barreira de Fiscalização Estadual da Avenida das Flores, bairro Lago Azul (entrada do conjunto residencial Viver Melhor 1), zona norte da capital; e o Terminal Rodoviário de Itacoatiara (a 176 quilômetros de Manaus) não registraram a saída de veículos intermunicipais regulados pela Arsepam.

As linhas mais procuradas com saída de Manaus foram Itacoatiara (1° - 1.734), Manacapuru (2° - 1.335) e Manaus (3° - 1.334), distantes respectivamente 176, 68 e zero quilômetros da capital.

Hidroviário

Durante a Operação Natal Feliz, 17.853 pessoas deixaram a capital utilizando embarcações como lancha rápida, barco a motor, navio a motor, expresso ou a jato, ferry boat e catamarã.

No campo de atuação da Arsepam, o posto com maior saída foi o Porto da Ceasa, na zona centro-sul, com 13.533 passageiros, refletindo 52,42% do total de passageiros da operação. Pelo Porto de Manaus/Manaus Moderna, os fiscais registraram a saída de 4.320 pessoas.

No modal hidroviário intermunicipal, os destinos mais procurados foram Careiro da Várzea (1° - 13.533 passageiros), Parintins (2° - 2.547) e Tefé (3° - 1.475), respectivamente distantes 25, 369 e 523 quilômetros de Manaus.

Publicidade TCE
Publicidade UEA
Publicidade CMM

Mais Recentes