Ir para o conteúdo

Museu do Seringal retorna às atividades e reabre para visitação a partir de 1º de fevereiro

O espaço estava fechado temporariamente em decorrência da severa estiagem, que impossibilitou a chegada ao local por via fluvial

O Museu do Seringal Vila Paraíso, localizado na zona rural de Manaus, irá reabrir para visitação do público a partir do dia 1º de fevereiro. O museu abre de segunda a sábado, das 9h às 15h (exceto às quartas-feiras, quando fecha para manutenção), e, aos domingos, das 9h às 13h.

A suspensão das atividades ocorreu por conta da severa estiagem que atingiu a região nos últimos meses, já que o acesso ao Museu do Seringal acontece exclusivamente por via fluvial. O translado parte da Marina do Davi, localizada na avenida Coronel Teixeira, na Ponta Negra.

A visitação é gratuita, com a travessia feita pela Cooperativa dos Profissionais de Transporte Fluvial da Marina do Davi (Acamdaf) no valor de R$ 21 o trecho, ou seja, R$ 42 ida e volta.

“O Museu do Seringal conta com todo um roteiro referente à vida do seringueiro, com um cenário todo trabalhado que reproduz um seringal da época do ciclo da borracha. Toda a nossa visitação é mediada por um guia de turismo do espaço. É um passeio muito interessante, vale muito a pena conhecer”, afirmou Aline Santana, diretora do Departamento de Museus da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, que convidou o público a prestigiar o retorno do espaço cultural.

Mais informações sobre o Museu do Seringal e outros espaços podem ser encontradas no site ou nas redes sociais da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Amazonas (cultura.am.gov.br e @culturadoam).

Publicidade TCE
Publicidade CIESA
Publicidade UEA

Mais Recentes