Ir para o conteúdo

No AM, 55 municípios têm pagamento unificado do Bolsa Família nesta sexta

Medida vai beneficiar as localidades atingidas pela seca histórica. No estado como um todo, mais de 658 mil famílias serão contempladas pelo programa

O valor médio do benefício no estado é de R$ 726,89

Com repasse do Governo Federal de R$ 475,72 milhões, o Bolsa Família chega a 658 mil famílias do Amazonas a partir desta sexta-feira, 17 de novembro. O estado tem o segundo maior número de contemplados pelo programa de transferência de renda na região Norte do país. O valor médio do benefício no estado é de R$ 726,89 e chega a todos os 62 municípios amazonenses.

Em 55 cidades sob efeito de decreto que homologa situação de emergência, as famílias contempladas receberão o pagamento unificado do benefício nesta sexta. Nos outros sete municípios amazonenses, o cronograma segue até o dia 30, com base no final do Número de Identificação Social (NIS).

A capital Manaus é a cidade com maior número de famílias contempladas: 278,2 mil, a partir de um investimento de mais de R$ 194,95 milhões e repasse médio de R$ 701,56. Em seguida, aparecem Parintins (21,3 mil beneficiários), Manacapuru (20,6 mil), Itacoatiara (17,1 mil) e Autazes (16 mil).

O município com maior valor médio de repasse no Amazonas no mês de novembro é São Gabriel da Cachoeira, com R$ 854,47. Santo Antônio do Içá (R$ 834,25) e Itamarati (R$ 833,38) completam a lista dos três maiores repasses médios.

O Benefício Primeira Infância, que prevê um adicional de R$ 150 a crianças de zero a seis anos, chega a 731,4 mil famílias do Amazonas em novembro a partir de um investimento de R$ 53,73 milhões.

Já o Benefício Variável Familiar (BVF) Criança, um adicional de R$ 50, atende 502 mil crianças e adolescentes de 7 anos a 16 anos incompletos, com repasse de R$ 23,6 milhões neste mês. Outros R$ 5,47 milhões serão repassados ao BVF Adolescente, no mesmo valor de R$ 50, para 118,6 mil jovens sul-mato-grossenses entre 16 e 18 anos incompletos.

Gestantes e nutrizes também integram a rede de proteção do Bolsa Família. Um total de R$ 1,13 milhão estão reservados ao BVF Gestante, que atende 23,4 mil pessoas no Amazonas com repasse de R$ 50 a mais. Já o BVF Nutriz, também no valor adicional de R$ 50, é concedido às famílias com crianças de 0 a 6 meses. São 12 mil famílias, com investimento direto de R$ 589,9 mil. O apoio tem como objetivo reforçar a alimentação da família da mãe em fase de amamentação.

Publicidade ENEVA
Publicidade ATEM
Publicidade TCE
Publicidade BEMOL
Publicidade UEA

Mais Recentes