Ir para o conteúdo

Parque das Tribos ganha Unidade de Saúde da Família

Região que concentra 34,5 mil pessoas e tem a maior população indígena da área urbana da capital, abrigando 35 etnias

Estrutura terá capacidade para realizar até 24 mil procedimentos por mês

O prefeito de Manaus, David Almeida, inaugurou, nesta quarta-feira, 31/1, a Unidade de Saúde da Família (USF) Parque das Tribos, localizada na zona Oeste da cidade. A nova estrutura vai ampliar o acesso aos serviços de atenção primária à saúde da população dos bairros Tarumã e Tarumã-Açu, região que concentra 34,5 mil pessoas e tem a maior população indígena da área urbana da capital, abrigando 35 etnias.

Segundo o prefeito, a estrutura, com 1,2 mil metros de área construída e capacidade para realizar até 24 mil procedimentos por mês, muda a realidade da comunidade.

“A zona Oeste, o Tarumã, era um dos grandes vazios assistenciais que nós tínhamos na cidade de Manaus. Hoje, as comunidades dessa área têm uma grande UBS, porte 4, com quatro equipes de saúde básica para atender a população e, assim, dar dignidade aos nossos irmãos. Hoje, essas pessoas têm uma unidade básica com 1,2 mil metros quadrados, que vai atender até mil pessoas por dia, com 49 ambientes diferentes, isso é dignidade”, assegurou Almeida.

Construída no modelo de Parceria Público-Privada (PPP), com investimentos de R$ 6,1 milhões, a USF foi desenhada para oferecer acessibilidade, conforto e segurança a servidores e usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). O prédio conta com dois pisos e 54 ambientes equipados para os atendimentos básicos de saúde.

A estrutura é a segunda de porte 4 totalmente construída na atual gestão, que já entregou outras 67 obras, entre reformas, revitalizações e ampliações, para fortalecer a rede assistencial da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa).

Na unidade, serão oferecidas consultas médicas em clínica geral, de enfermagem e odontológicas, exames laboratoriais, ultrassonografia, exames específicos como o preventivo do câncer do colo do útero, teste do pezinho, testes rápidos para sífilis, HIV e hepatites virais, e dispensação de medicamentos, inclusive antibióticos e outros de controle especial, como informou a secretária de Semsa, Shádia Fraxe.

“Aqui era uma grande área de vazio assistencial, onde as pessoas tinham que se deslocar para muito longe para ter um atendimento. Então, pensando nisso, o prefeito nos determinou que fizéssemos um estudo de georreferenciamento e foi possível iniciar o projeto para a construção de uma unidade de saúde porte 4. Essa região tem cerca de 36 mil habitantes que serão beneficiados com atendimentos clínicos, odontológicos, toda a carteira de serviço da atenção básica e ampliação do serviço de medicamentos”, afirmou Fraxe.

A solenidade de inauguração contou também com a presença das assessoras técnicas Aline Gonçalves Pereira e Maykeline dos Santos Leite, da Secretaria de Atenção Primária à Saúde do Ministério da Saúde, da diretora do Instituto Leônidas & Maria Deane-ILMD/Fiocruz Amazônia, Stefanie Lopes, além de lideranças indígenas e comunitárias.

Outros serviços

Além disso, serão realizados planejamento reprodutivo, pré-natal, imunização, controle e acompanhamento de hipertensão e diabetes e desenvolvidos os programas de controle da tuberculose, da hanseníase e do tabagismo. Com ações de atenção à saúde da criança, do adolescente, do adulto e do idoso, a USF vai realizar também o acompanhamento das condicionalidades de saúde dos programas sociais.

Oitos equipes profissionais serão responsáveis pela assistência, sendo quatro de Estratégia de Saúde da Família (e-SF) e quatro de Saúde Bucal (e-SB). As equipes incluem médicos, enfermeiros, cirurgiões-dentistas, técnicos de enfermagem, técnicos de saúde bucal, agentes comunitários de saúde, além de servidores da área administrativa. Por sua localização em território de grande concentração indígena, a unidade terá ainda agentes indígenas de saúde.

A USF vai funcionar de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h, e o acesso dos usuários aos serviços oferecidos será por meio de agendamento realizado presencialmente. Além dos atendimentos na própria unidade, as equipes farão visitas domiciliares para acompanhamento dos que residem naquele território.

Grande Porte

Os dois pisos do prédio incluem oito consultórios clínicos, quatro consultórios odontológicos, consultório farmacêutico, recepção, duas salas de espera, farmácia e salas para estoque de medicamentos, coleta para exames laboratoriais, inalação, observação, preparo, vacina, curativo, procedimentos e escuta qualificada. A unidade também conta com escovódromo, ambientes para lavagem e esterilização de materiais e ambientes para procedimentos administrativos, como sala multiprofissional, almoxarifado, copa e vestiários.

A USF Parque das Tribos segue o mesmo padrão da USF Prefeito Amazonino Mendes, inaugurada em outubro do ano passado no bairro Lago Azul, zona Norte. As duas fazem parte do conjunto de 13 unidades de grande porte previstas pela gestão municipal. Sete dessas unidades já estão em andamento. Além dessas, o município trabalha na reforma e ampliação de 11 unidades, incluindo quatro de grande porte, e deverá iniciar mais 20 obras, garantindo o incremento da rede de assistência e mais qualidade no acolhimento e na prestação dos serviços de saúde à população de Manaus.

Publicidade ENEVA
Publicidade ATEM
Publicidade TCE
Publicidade BEMOL
Publicidade UEA

Mais Recentes