Ir para o conteúdo

Polícia busca mulher cúmplice de estelionatário que aplicou golpe de R$ 13 mil em idoso

Se você encontrar essa mulher em Manaus, procure as autoridades. Saiba como ela agia.

O crime ocorreu em uma agência bancária na avenida Djalma Batista

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM) está em busca da mulher que auxiliou um estelionatário, identificado como Daniel dos Santos Leal, de 41 anos, a aplicar um golpe financeiro de R$ 13 mil a um idoso de 78 anos. O crime ocorreu em uma agência bancária na avenida Djalma Batista, zona Centro-Sul de Manaus.

Após a prisão de Daniel, realizado durante uma coletiva de imprensa na 22º Distrito Interativa de Polícia (DIP), a polícia divulgou um vídeo que mostra a mulher colaborando com o golpe. O delegado titular do 22º DIP, Adriano Félix, ressaltou que Daniel já era conhecido pela polícia devido a práticas anteriores de estelionato, incluindo assaltos conhecidos como “saídinha de banco”.

“Quem souber o paradeiro desta mulher, que é uma estelionatária também, venha até o 22º DIP, que todas as informações serão mantidas em sigilo”, afirmou o delegado Félix.

As imagens do circuito de segurança da agência possibilitaram à polícia identificar o veículo utilizado por Daniel no dia do crime, levando à sua prisão em sua residência no bairro Cidade Nova, zona Norte de Manaus. No entanto, a cúmplice que o auxiliou ainda não foi localizada.

O modus operandi do estelionatário envolvia abordar idosos que chegavam cedo às agências bancárias, alegando ser funcionário do local e induzindo as vítimas a acreditar que o banco não abriria naquele dia, persuadindo-as a acompanhá-lo até outra agência para consumar o golpe.

O apelo da Polícia Civil é para que informações sobre a cúmplice sejam repassadas ao 22º DIP, garantindo a continuidade das investigações e a captura da suspeita.

Publicidade TCE
Publicidade UEA
Publicidade CMM

Mais Recentes