Ir para o conteúdo

Prefeitura de Manaus prossegue com vacinação contra a Covid-19 em 74 unidades de saúde

A população pode tomar as vacinas do esquema inicial ou dar seguimento às doses de reforço, seguindo os intervalos preconizados pelo Ministério da Saúde

A Prefeitura de Manaus dá continuidade ao compromisso de proteger os manauaras das formas graves da Covid-19, disponibilizando os imunizantes contra a doença em 74 unidades da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), de segunda a sexta-feira, 6 a 10/11.

A população pode tomar as vacinas do esquema inicial ou dar seguimento às doses de reforço, seguindo os intervalos preconizados pelo Ministério da Saúde, nas unidades de horário regular e nos estabelecimentos de saúde que funcionam em horário ampliado, das 7h às 19h ou das 7h às 20h. Os horários e endereços de cada unidade podem ser conferidos pelo link: bit.ly/localvacinacovid19.

A secretária municipal de Saúde, Shádia Fraxe, enfatiza o compromisso da Prefeitura de Manaus em proporcionar alternativas para facilitar o acesso da população aos imunizantes, que evitam os sintomas mais graves causados pelo vírus Sars-CoV-2.

“Não podemos nos esquecer que, em suas formas mais severas, a infecção causada pelo coronavírus requer internação hospitalar e pode até representar risco de óbito. Nossa responsabilidade, enquanto cidadãos, é de garantir a proteção individual e coletiva, tomando a vacina”, assegura Shádia.

A vacina pode ser recebida por toda a população a partir dos 6 meses de idade. As pessoas que já deram início ao seu esquema vacinal podem verificar os prazos e as doses que devem receber na plataforma Imuniza Manaus (imuniza.manaus.am.gov.br), informando o número do CPF.

Os usuários a partir de 12 anos podem ser vacinados em qualquer um dos 74 estabelecimentos de saúde da prefeitura. Crianças menores de 12 anos, acompanhadas dos pais ou dos responsáveis, precisam buscar a vacina nas unidades específicas, das quais 14 estão preparadas para vacinar os bebês de 6 meses a 4 anos de idade, e 35 estarão disponíveis para vacinar as crianças de 5 a 11 anos.

“É importante reforçar que, para receber a vacina, os usuários precisam apresentar documento oficial de identidade com foto, CPF ou Cartão do SUS”, orienta Shádia Fraxe.

Publicidade BEMOL
Publicidade ATEM
Publicidade TCE
Publicidade UEA

Mais Recentes