Ir para o conteúdo

Prefeitura lança edital inédito com valores nivelados para os bois-bumbás de Manaus

O 66º Festival Folclórico do Amazonas acontecerá nos dias 26 e 27 de julho de 2024, no Sambódromo

A Prefeitura de Manaus, por meio da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), lança o Edital de Chamamento Público nº 005/2024, que nivela os valores dos repasses financeiros para os grupos de bois-bumbás de Manaus. O 66º Festival Folclórico do Amazonas acontecerá nos dias 26 e 27 de julho de 2024, no centro de convenções Professor Gilberto Mestrinho, o sambódromo, localizado na avenida Pedro Teixeira, nº 2.565, bairro Flores, zona Centro-Sul da capital.

“Esse edital marca um momento histórico para a cultura dos bois-bumbás de Manaus. Após seis décadas de existência do Festival Folclórico do Amazonas, a prefeitura iguala, pela primeira vez, os recursos financeiros destinados aos bois-bumbás de Manaus”,  informou o diretor-presidente da Manauscult, Reginei Rodrigues.

Com um investimento total de R$ 780 mil, distribuídos entre os sete grupos selecionados, incluindo Corre-Campo, Garanhão, Brilhante, Galante de Manaus, Tira-Prosa, Clamor de um Povo e Boi Estrela, cada grupo poderá receber até R$ 130 mil para suas apresentações.

Prazos

As inscrições para participar do processo devem ser realizadas por meio do formulário disponível no seguinte link: Formulário de Inscrição. O prazo para envio das propostas vai de 27 de maio de 2024 até 25 de junho de 2024.

Após o encerramento das inscrições, a etapa de avaliação das propostas será conduzida pela Comissão de Seleção, com divulgação do resultado preliminar prevista para 27 de junho de 2024. Os participantes terão até 1º de julho de 2024 para interpor recursos contra o resultado preliminar.

História dos bumbás

O Festival Folclórico do Amazonas começou em 21 de junho de 1957, no Campo do Quartel 27 B.C., estádio General Osório, em Manaus. Desde então, reúne diversas danças folclóricas dos bairros da cidade, promovendo a cultura popular do Amazonas. A festa inclui atrações como cirandas, danças nordestinas, quadrilhas e apresentações de tribos.

Esse novo modelo, com categorias Ouro, Prata, Bronze e Bumbás de Manaus, trouxe competições mais acirradas e apresentações mais elaboradas, revitalizando o festival.

“A Manauscult apoia e estimula o folclore e a cultura dos bumbás, permitindo que os grupos tenham autonomia para definir suas próprias metas culturais, enquanto o poder público municipal facilita essas ações a partir do repasse financeiro. Para consolidar uma política pública eficaz em cultura popular e folclore em Manaus, é necessário fomentar esses grupos”, pontuou o diretor de Cultura da pasta, Wallace Almeida.

O evento é realizado pela Secretaria de Cultura do Estado do Amazonas (SEC), com apoio financeiro da Prefeitura de Manaus aos grupos de bumbás.

Fomento e participação

A participação no processo implica a aceitação das normas do edital. Podem participar Organizações da Sociedade Civil (OSCs) definidas pela Lei nº 13.019/2014, que são entidades privadas sem fins lucrativos.

As OSCs devem estar sediadas em Manaus e participar do Folclore de Manaus, conforme o regulamento oficial da categoria e os resultados do Festival de 2023.

Os créditos orçamentários necessários para o custeio das despesas do edital provêm do orçamento público previsto na Lei n° 3.253/2023, que institui a Lei Orçamentária Anual de 2024.

Publicidade ENEVA
Publicidade ATEM
Publicidade TCE
Publicidade BEMOL
Publicidade UEA

Mais Recentes