Ir para o conteúdo

Segunda edição da Jornada de Integração busca impulsionar o desenvolvimento de Rondônia

Organizado pela Suframa, o evento tem como propósito disseminar os benefícios da Zona Franca de Manaus

Nos dias 17 e 18 de abril, o Instituto Federal de Rondônia (IFRO) receberá a 2ª Jornada de Integração Regional e Interiorização do Desenvolvimento de Porto Velho. Organizado pela Suframa, o evento tem como propósito disseminar os benefícios da Zona Franca de Manaus, fortalecer a interação com os Estados da Amazônia Ocidental e Amapá e contribuir para a melhoria do ambiente de negócios da região.

A Jornada - que ocorrerá no Campus Porto Velho Calama do IFRO - é gratuita e tem como público-alvo empresários, comerciantes, representantes de entidades governamentais, estudantes e profissionais liberais, entre outros. Os interessados em participar da programação em Rondônia podem se inscrever no link: https://doity.com.br/jornadaintegracaoportovelho.

Com um público diversificado, as expectativas para o evento são otimistas. “Estamos mobilizando alunos e servidores, em especial os líderes de grupo de pesquisa - como eu, para que participem, pois a Suframa explicando os caminhos de acesso à recursos é uma ótima oportunidade para o desenvolvimento, seja para o agro, comércio, indústria ou serviço público”, disse o professor de Computação do IFRO, Kaio Alexandre da Silva, que também é líder do Grupo de Pesquisa em Soluções Tecnológicas (GOTEC).

O professor - que atua diretamente na parceria com a Suframa na organização do evento pelo IFRO - destaca a política de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PD&I) como o principal foco de alavancagem para o Estado. “Particularmente, vejo que o caminho que temos que abraçar é o desenvolvimento tecnológico sustentável, para que de fato haja o desenvolvimento regional em Rondônia. A Suframa, através das leis de incentivo e programas prioritários, é uma importante engrenagem para que a gente consiga atingir a maturidade tecnológica e uma cultura real de parcerias público-privadas”, ressaltou.

O coordenador regional da Suframa em Porto Velho, Waldemar Albuquerque, afirmou que está mobilizando todas as entidades do Estado a participarem dos dois dias de programação no IFRO. “Nossa expectativa é de um evento produtivo, com uma agenda de interações satisfatórias aqui no estado", destacou.

Programação

No dia 17, o foco da Jornada será nas informações sobre os benefícios da Lei de Informática, funcionamento e resultados da política de Pesquisa, Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (PD&I) administrada pela Suframa, que monitora os investimentos em PD&I na Amazônia Ocidental e Estado do Amapá e ações para o desenvolvimento regional. Neste dia haverá a participação dos três coordenadores de programas prioritários de PD&I: de Bioeconomia (Idesam), de Fomento ao Empreendedorismo Inovador (Softex) e de Indústria 4.0 e Modernização Industrial (CITS Amazonas), que apresentarão a atuação deles em toda a Amazonia Ocidental e Amapá, bem como o andamento dos projetos que vem sendo desenvolvidos em PD&I no Estado. Também está prevista palestra do Banco da Amazônia (Basa) sobre Fundos de Inovação; do Governo de Rondônia sobre estratégias de desenvolvimento econômico a partir da Inovação e Incentivos Fiscais; e da Superintendência do Desenvolvimento da Amazônia (Sudam) que apresentará o Plano Regional de Desenvolvimento da Amazônia Legal.

No dia 18, as palestras serão voltadas ao funcionamento e condições de utilização dos incentivos fiscais nos regimes da Amazônia Ocidental e das Áreas de Livre Comércio (ALCs), além de orientações sobre como realizar cadastro na Suframa e como apresentar projetos industriais e agroindustriais. Haverá, ainda, nova participação da Sudam, para apresentar os incentivos fiscais administrados pelo órgão para o desenvolvimento regional, e do Banco da Amazônia (Basa), com palestra sobre soluções de crédito para a Amazônia.

“Com essa agenda robusta e a participação de diversos parceiros, nossa expectativa é de que a Jornada proporcione interações significativas e contribua para o desenvolvimento regional em Rondônia”, finaliza o superintendente da Suframa, Bosco Saraiva.

Publicidade ENEVA
Publicidade ATEM
Publicidade TCE
Publicidade BEMOL
Publicidade UEA

Mais Recentes