Ir para o conteúdo

Serasa: 24% dos moradores do Norte ainda não planejaram como vão pagar o IPVA 2024

Ainda conforme o estudo, 35% das pessoas afirmam que inseriram as parcelas no orçamento mensal para serem pagas durante o ano

A pesquisa “A Relação do Brasileiro com o Automóvel”, produzida pela Serasa em parceria com o Instituto Opinion Box, apontou que 24% dos moradores da região Norte ainda não se planejaram ou não sabem como vão pagar o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) 2024.

Ainda conforme o estudo, 35% das pessoas afirmam que inseriram as parcelas no orçamento mensal para serem pagas durante o ano. Já 31% disseram ter economizado durante o ano anterior para pagar à vista e 7% vão usar o 13º salário para pagar o imposto.

Segundo a coordenadora da Serasa, Carolina Ribeiro, ainda que seja uma despesa anual, o valor costuma pegar alguns motoristas de surpresa. “Dessa forma, o planejamento financeiro é fundamental para mensurar os gastos com antecedência e estimar os custos entre um ano e outro”, complementa.

Uso dos automóveis
Devido à dificuldade de mobilidade urbana, principalmente quando se trata de transporte público, o carro é para muitas pessoas uma necessidade. De acordo com a pesquisa da Serasa, na região Norte, 7 em cada 10 pessoas utilizam seus automóveis diariamente. O principal motivo, é para locomoção para o trabalho ou local de estudo (32%). Em seguida aparece locomoção dos filhos e outros familiares (16%), passeios de fim de semana (13%) e compras e tarefas do dia a dia (13%).

No Norte, 40% dos entrevistados afirmaram terem intensificado a utilização do carro nos últimos 12 meses. Entre os motivos para o aumento do uso estão maior eficiência no deslocamento (45%), precisam do carro para os filhos (32%), passaram a usar o carro como ferramenta de trabalho (30%), voltou a trabalhar no formato presencial (25%) e falta de segurança no transporte público (23%).

Publicidade TCE
Publicidade UEA
Publicidade CMM

Mais Recentes