Ir para o conteúdo

Terminal 7 deve ser inaugurado no fim de junho, diz prefeitura

Local vai atender a população das zonas Norte e Oeste da capital

Obra foi fiscalizada nesta quinta-feira pela Prefeitura de Manaus

Localizado na avenida Torquato Tapajós, esquina com a avenida do Turismo, bairro Tarumã, o Terminal de Integração 7 (T7) é mais uma construção importante da Prefeitura de Manaus, que visa melhorar a mobilidade urbana e a qualidade de vida da população das zonas Norte e Oeste da capital. A obra foi fiscalizada, nesta quinta-feira, 9/5, pelo prefeito de Manaus, David Almeida, que destacou a escolha estratégica da área.

“O Terminal 7 vai integrar essa área da cidade e facilitar o acesso da população aqui do Tarumã-Açu, Tarumã-Mirim, e do pessoal que vem pela BR-174 e também de Rio Preto da Eva e de Itacoatiara. Todos vão passar por esse espaço totalmente preparado para melhor atender esse público. As obras avançam a cada dia. A nossa previsão é que possamos inaugurar no final do mês de junho”, afirmou Almeida.

O novo terminal da cidade terá quatro mil metros quadrados de área construída e contará com uma infraestrutura completa para atender com segurança e conforto a população de toda a cidade.

A partir do Terminal 7, as viagens serão mais rápidas pelo corredor viário, proporcionando maior agilidade aos usuários do transporte coletivo local. O terminal irá conectar diretamente os moradores do bairro às estações de transbordo do corredor viário da Torquato Tapajós e da avenida Constantino Nery, permitindo o pagamento de uma única tarifa.

Estrutura

O projeto também inclui guarita, sala dos motoristas, sanitários feminino, masculino e para Pessoas com Deficiência (PcDs), salas da Secretaria Municipal de Limpeza Urbana (Semulsp), do Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros do Amazonas (Sinetram) e da Guarda Municipal, visando o reforço e segurança da região.

O terminal será composto por duas plataformas, sendo uma para articulado e convencional e uma apenas para veículos convencionais, que irão realizar viagens dos bairros ao terminal (as chamadas linhas alimentadoras) e do bairro em direção ao centro da cidade (as linhas troncais). O novo terminal irá atender usuários de transporte, principalmente, das zonas Oeste e Norte.

Publicidade ENEVA
Publicidade ATEM
Publicidade TCE
Publicidade BEMOL
Publicidade UEA

Mais Recentes