Ir para o conteúdo

Torcedores são detidos após invadir campo para fazer selfie com jogadores do Flamengo

Torcedores foram encaminhados ao 1º DIP. Após autuação, foram liberados

Torcedores foram encaminhados ao 1º DIP

Quaatro torcedores flamenguistas foram presos por terem invadido o campo da Arena da Amazônia no final da partida entre Flamengo e Audax-RJ, na noite de quarta-feira (18).

Eles foram levados para o 1º Distrito Integrado de Polícia (1º DIP), onde foram autuados com base na  Lei 10.671/2006 do Estatuto do Torcedor. Depois de autuados, os torcedores foram liberados.

O artigo 41-B da referida Lei prevê como crime o ato de tumultuar ou invadir áreas privativas aos atletas e tem como punição pena de reclusão de até 2 anos e multa.

Ao serem indagado pelos policiais militares sobre o motivo da invasão, Franklin disse que queria fazer uma selfie com o zagueiro Fabrício Bruno; Whadson a camisa do atacante Gabigol; Glaedson a camisa de Fabrício Bruno; e Cleisson uma foto com o zagueiro Davi Luís.

Publicidade TCE
Publicidade UEA
Publicidade CMM

Mais Recentes