Ir para o conteúdo

Valdemar pede desculpas a Bolsonaro por elogios a Lula após embate

Valdemar disse a Bolsonaro que ele teria "caído em um corte de internet". O ex-presidente pediu para que os integrantes do partido tomem cuidado com declarações deste tipo

O presidente nacional do PL, Valdemar da Costa Neto, se desculpou com o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) por ter elogiado a popularidade de Lula (PT) durante uma entrevista. Em conversa com apoiadores em Angra do Reis, na Costa Verde do Rio de Janeiro, o ex-mandatário chegou a falar em "declarações absurdas" que estariam implodindo o partido.

Em entrevista ao jornal "O Diário", Valdemar da Costa Neto disse que Lula era uma figura "extremamente popular" e o comparou o seu perfil com o de Bolsonaro.

Na noite desta segunda-feira, Valdemar disse a Bolsonaro que ele teria "caído em um corte de internet", ou seja, visto apenas um trecho de uma declaração concedida em um contexto maior, mas se retratou pelos elogios ao petista.

Em resposta, Bolsonaro teria pedido para que tanto Valdemar, quanto os demais integrantes da cúpula do PL tomassem "cuidado" com declarações deste tipo de agora em diante. De acordo com interlocutores dos dois, o assunto foi superado.

Publicidade TCE
Publicidade UEA
Publicidade CMM

Mais Recentes