Ir para o conteúdo

Boi Caprichoso começa transporte de alegorias para concentração no Bumbódromo

No total, 220 Paikicés fazem o transporte dos módulos alegóricos até a próxima semana

Na tarde desta segunda-feira (17/06), o Boi Caprichoso iniciou, em Parintins (a 369 quilômetros de Manaus), o transporte das alegorias do galpão para a concentração no Bumbódromo. No total, 220 Paikicés, como são conhecidos os condutores das alegorias, participaram da ação, que marca o início dos preparativos finais para o Festival. O evento é organizado pelo Governo do Amazonas e acontece nos dias 28, 29 e 30 de junho.

O presidente do Boi Caprichoso, Rossy Amoedo, destacou que o transporte é um momento de celebração e de agradecimento aos artistas, que irão levar para arena este ano o espetáculo “Cultura - Triunfo do Povo”.

“A gente sabe que a alegoria é muito dentro do Bombódromo, mas é muito legal esse momento e a Nação Azul e Branca, poder vir dizer o nosso muito obrigado pelo empenho, pela dedicação e pela doação que eles têm feito. Será um grande festival e o Caprichoso sobe a régua do espetáculo e os nossos artistas merecem esse abraço", disse Amoedo.

Nesta primeira fase, 12 módulos de um Ritual Indígena e 1 módulo amazônico foram transportados para a concentração no Bumbódromo, utilizando dois guindastes. O Corpo de Bombeiros do Amazonas (CBMAM) esteve presente para garantir a segurança dos participantes durante o processo.

“A gente tem os carros de combate a incêndio que estão aqui próximo, no quartel. E, hoje, a gente está com uma unidade de resgate local, que é a ambulância. Em caso de qualquer situação”, disse o tenente Benoliel, que acompanhou o transporte.

Trabalho nos galpões

Nos galpões do Boi Caprichoso, aproximadamente, 350 artistas estão diretamente envolvidos na criação das alegorias e adereços que compõem o espetáculo do Festival de Parintins. A equipe, que inclui artistas plásticos, soldadores, pintores, entre outros profissionais, contam com equipamentos individuais de proteção (EPIs), que foram doados pelo Governo do Amazonas, em março deste ano. Os kits são compostos por camisa, calça, capacete, luvas e botas.

Publicidade BEMOL
Publicidade ATEM
Publicidade TCE
Publicidade UEA

Mais Recentes