Ir para o conteúdo

Djidja Cardoso, ex-sinhazinha do Garantido, morre aos 32 anos

Confira os motivos que levaram a ex-sinhazinha à morte aos 32 anos. Corpo foi encontrado por um familiar.

Djidja Cardoso, no festival de Parintins.

Morreu nesta manhã, em Manaus, a empresária Dilemar Cardoso Carlos da Silva, a Djidja Cardoso, ex-sinhazinha do boi-bumbá Garantido. A notícia ofoi trazida em primeira mão pelo site BNC.

Djidja tinha 32 anos de idade e foi sinhazinha do boi Garantido entre 2016 e 2020 e foi substituída na virada de gestão, perdendo o posto e gerando muita polêmcia em quem acreditava que ela desempenhava bem o papel como item de número 7.

Amigos confirmaram ao Portal do Mário Adolfo que ela enfrentava uma forte depressão nos últimos meses. Chegou a se reerguer, reapareceu nas redes sociais aparentando normalidade e dando dicas de saúde e do estilo fitness. Logo na sequência voltou a se ausentar da internet.

"Quando reapareceu estava mais magra. Muito gente estranhou a aparência dela. Tava claro que algo estava acontecendo. Quem a encontrou foi o primo", informou uma fonte que pediu para não ser identificada.

Djidja Cardoso era sócia de uma rede de salões chamados Belle Femme. A causa da morte não foi divulgada.

Nota de Pesar do Garantido

É com profundo pesar que comunicamos o falecimento da nossa eterna sinhazinha, Djidja Cardoso.

A flor mais linda do curral, partiu. Partiu fisicamente, mas permanecerá viva em nossa memória.

No dia 10 de outubro de 2015 pôde realizar o sonho mais incrível e fantástico da sua vida, segundo ela “mudou a sua vida 100%”. Um sonho de menina e o sonho de toda família Parintinense. Foram 5 anos defendendo o item 07, Sinhazinha da Fazenda.

As cores hoje já não brilham tanto, a sombrinha já não gira mais no ar, os sorrisos momentaneamente tornam-se em lágrimas, a galera vermelha e branca chora com sua repentina partida.

Djidja, obrigado por defender  por vários anos, o item 07  com tanto amor e dedicação. Nossa sinhazinha campeã, dona do nosso coração.

Agora é hora de descansar, hora daquele adeus. Que Nossa Senhora do Carmo te receba e console o coração de sua mãe, Dilemar Cardoso da Silva  e de seus familiares, amigos e torcedores encarnados do Boi do Povão.

Brilhe muito nos jardins celestiais.

Boi Bumbá Garantido

Publicidade ENEVA
Publicidade ATEM
Publicidade TCE
Publicidade BEMOL
Publicidade UEA

Mais Recentes