Ir para o conteúdo

Homem usava documentos de idosos para fazer saques em agências bancárias

O homem tentou sacar R$ 58 mil em nome de um idoso, que mora em Belém

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio do 3º Distrito Integrado de Polícia (DIP), com apoio do Departamento de Inteligência de Polícia Judiciária (DIPJ), prendeu em flagrante, na terça-feira (06/02), por volta das 13h, Maurício Oliveira dos Santos, 60, pelo crime de estelionato e uso de documento falso. O indivíduo utilizava documentos de idosos para retirar valores em agências bancárias de forma indevida.

Segundo a delegada Elizabeth de Paula, titular da unidade policial, as diligências iniciaram após os policiais receberem informações sobre um homem que estaria tentando sacar cerca de R$ 58 mil em uma agência bancária na avenida Silves, bairro Cachoeirinha, zona sul. O saque seria realizado em nome de um idoso aposentado que mora em Belém, estado do Pará.

“Durante campana, identificamos a movimentação de Maurício naquela agência bancária, em seguida, realizamos a abordagem. Ele confessou estar utilizando o documento de idosos para sacar os valores, e disse que estava tentando aplicar o golpe em outras vítimas”, disse a delegada.

Conforme a autoridade policial, o infrator também contou que nos dias 29 e 30 de janeiro, já havia sacado R$ R$ 11 mil utilizando o nome de outra pessoa, em uma agência bancária localizada no bairro Jorge Teixeira, zona leste.

O indivíduo estava em posse do documento de idoso aposentado que mora em Belém. Os policiais entraram em contato com a vítima, que informou desconhecer que seus dados estavam sendo utilizados de forma indevida.

Flagrante

Maurício Oliveira dos Santos foi autuado por estelionato e uso de documento falso. Ele passará por audiência de custódia e ficará à disposição do Poder Judiciário.

Publicidade TCE
Publicidade UEA
Publicidade CMM

Mais Recentes