Ir para o conteúdo

Justiça acata queixa-crime contra Ciro por chamar Damares de bandida nazifascista

A queixa-crime foi motivada por declarações feitas por Ciro Gomes durante uma entrevista em maio de 2020

Ciro será intimado para que apresente sua defesa

A 3ª Vara Criminal do Ceará aceitou uma queixa-crime apresentada pela senadora Damares Alves (Republicanos-DF) contra Ciro Gomes (PDT). O político agora deverá responder pelos crimes de calúnia, difamação e injúria. As informações são d'O Globo.

A queixa-crime foi motivada por declarações feitas por Ciro Gomes durante uma entrevista em maio de 2020. Na ocasião, o pedetista referiu-se à senadora como ”bandida nazifascista da quadrilha de Jair Bolsonaro”. A ex-ministra considerou as afirmações ofensivas e decidiu tomar medidas legais.

O magistrado responsável pelo caso destacou, ao jornal carioca, que existem indícios de materialidade e autoria da conduta delituosa. Apesar disso, uma audiência de conciliação foi realizada anteriormente, porém as partes envolvidas não conseguiram chegar a um acordo.

Agora, Ciro será intimado para que apresente sua defesa dentro do prazo de dez dias, em relação às acusações feitas por Damares Alves.

Publicidade TCE
Publicidade UEA
Publicidade CMM

Mais Recentes