Ir para o conteúdo

Morre Marquinho Azevedo, eterno tripa do Boi Caprichoso

Ele tinha 59 anos e sofreu uma parada cardíaca em Parintins

Velório será realizado no curral Zeca Xibelão - Foto: Divulgação

Marcos da Silva Azevedo, mais conhecido como “Marquinho Tripa do Boi Caprichoso”, faleceu na madrugada desta quinta-feira (28). Ele tinha 59 anos e sofreu uma parada cardíaca em Parintins. A informação foi divulgada por familiares.

O artista deu entrada no Hospital Jofre Cohen no início da madrugada sentido fortes dores no peito e sofreu um infarto.

Pelas suas redes sociais, Alexandre Azevedo, filho de Marquinhos e o atual Tripa do Boi Caprichoso, lamentou a notícia. “O pai por que foste tão cedo, nunca imaginei sentir essa dor e agora como eu fico pai? Você nem me preparou para esse momento”, escreveu Alexandre.

O perfil oficial do Boi Caprichoso também se manifestou nas redes sociais.

“Markinho vestia o Boi Caprichoso como sua armadura; o seu jeito de dançar era único, singelo e nos emocionava. Dono de uma história de dedicação, amor e entrega, ele iniciou sua trajetória em 1986 como ajudante do mestre Jair Mendes. Em 1990, tornou-se a tripa oficial e, além disso, era quem confeccionava o Touro Negro.

O corpo de Marquinho velado a partir das 9h desta quinta no Curral Zeca Xibelão.

Publicidade TCE
Publicidade UEA
Publicidade CMM

Mais Recentes