Ir para o conteúdo

Operação Estiagem envia ajuda humanitária para os 61 municípios do interior do AM

Em menos de 30 dias, mais de 1.500 toneladas de alimentos e água potável foram destinadas às comunidades ribeirinhas

Na madrugada desta quinta-feira (09/11), cinco carretas contendo 115 toneladas de ajuda humanitária iniciaram trajeto até os municípios da Calha do Juruá. Com mais esta remessa, o Governo do Amazonas, por meio da Defesa Civil, atinge os 61 municípios do interior do estado. No total, já foram destinadas mais de 87 mil cestas básicas, totalizando 1,5 mil toneladas de alimentos.

O governador Wilson Lima, que instituiu e lidera o Comitê Intersetorial de Enfrentamento à Situação de Emergência Ambiental, destacou que uma das prioridades neste período de seca severa é dar assistência a população com alimentos e água potável e que esse trabalho irá continuar.

“A gente tem buscado de todas as formas minimizar o impacto dessa maior seca da história do nosso estado, seja com nossos recursos, seja com parcerias importantes como das Forças Armadas, seja buscando apoio da esfera federal. Enfim, prova disso é que em um mês nossos esforços resultam em ajuda humanitária para todas as cidades do Amazonas, algumas entregas que eu mesmo fiz questão de coordenar e que a gente vai continuar fazendo enquanto tiver um irmão ou irmã amazonense necessitando”, afirmou o governador.

Cerca de 5.500 famílias dos municípios de Guajará, Envira, Ipixuna, Eirunepé e Itamarati serão beneficiadas com a entrega das cestas básicas. O comboio seguirá pela BR-319 até o município de Feijó (AC), onde parte da carga será destinada à Envira. Os outros caminhões seguem pela rodovia até Cruzeiro do Sul (AC), para que os alimentos possam ser transportados por via fluvial até os demais municípios amazonenses da calha do Juruá. A previsão é de que o trajeto dure em torno de cinco dias.

“Cumprindo a determinação do governador Wilson Lima, a Defesa Civil do estado hoje embarcou mais 115 toneladas de alimentos. Estas cestas serão distribuídas em alguns municípios da calha do Juruá, pois os outros já começaram a receber a ajuda humanitária. Hoje, estamos fechando todo o interior do estado, já foram 87 mil cestas básicas, totalizando mais de 1.500 toneladas de alimentos”, destacou o chefe do Departamento de Preparação e Assistência Pós-Desastre da Defesa Civil, tenente Aldimar.

A ação conta com o apoio de uma viatura do Comando de Policiamento Especializado, que fará a segurança do comboio até o Acre. Durante o trajeto, a equipe contará com auxílio da Polícia Rodoviária Federal e do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (Dnit). Nos municípios, servidores municipais e estaduais serão responsáveis por coordenar e realizar a distribuição das cestas básicas para as famílias.

Publicidade BEMOL
Publicidade ATEM
Publicidade TCE
Publicidade UEA

Mais Recentes