Ir para o conteúdo

Silas Câmara se pronuncia a favor da mulher e pede que filha entenda sua decisão

Gabriela Câmara citou que a deputada federal Antônia Lúcia mantém as duas filhas em cárcere privado

Silas com a esposa e a filha

O deputado federal Silas Câmara (Republicanos) se manifestou nas redes sociais, nessa segunda-feira (11), sobre a acusação da filha dele, presidente do Instituto de Terras do Acre (Iteracre), Gabriela Câmara, que afirmou que a mãe, deputada federal Antônia Lúcia (Republicanos), mantém suas duas filhas em cárcere privado. O parlamentar defendeu a esposa e disse que filha precisa “reconsiderar as suas atitudes”.

Conforme o parlamentar, a esposa dele é um exemplo para a família, além disso, ele disse lamentar os fatos divulgados na imprensa, também envolvendo acusações de abuso sexual, e declarou o apoio à deputada federal.

“Antônia Lúcia é e sempre foi uma exemplar esposa, mãe e avó. Tem fundadas razões para estar preocupada em proteger e defender a integridade física e psicológica de suas netas. Cuida-se de um dever não só moral, como legal”, disse o deputado.

Para ele, as acusações são equivocadas e injustas. Gabriela chegou a afirmar que está impossibilitada de ver as filhas desde o início do ano de 2023, por conta do “ciúme possessivo” da avó as crianças, que as manteria em “cárcere privado”, segundo a presidente do Iteracre.

“São manifestamente equivocadas e injustas quaisquer críticas que não reconheçam a legitimidade de seus atos e de suas intenções”, afirmou o deputado sobre a esposa.

No texto, Silas disse que essa decisão de afastamento das netas é “um dever não só moral, como legal”.

Ainda na nota de repúdio, o deputado alegou que ama a filha, porém pediu para que a jovem reavalie as suas falas acerca do caso familiar.

Antônia Lúcia e Silas Câmara
“Também registro o meu amor pela minha filha Gabriela Câmara e rogo para que ela, reconsiderando a sua posição, compreenda que as atitudes de sua mãe são as mais precavidas e cuidadosas neste momento”, escreveu.

No último sábado (9), Antônia fez acusações contra o genro, Cristian Sales (padrasto das crianças), de estar envolvido em casos de abuso sexual, e o sogro, e deputado estadual e líder do governo na Assembleia Legislativa do Acre, Manoel Moraes, de apoiar os casos.

Confira a nota de repúdio na íntegra

“Com grande tristeza na alma e no coração e por força do amor que sinto por toda a minha família, venho a público declarar todo o meu apoio e a minha solidariedade à minha esposa, a Deputada Federal Antônia Lúcia, pelos fatos que foram noticiados na imprensa na última semana.

Antônia Lúcia é e sempre foi uma exemplar esposa, mãe e avó. Tem fundadas razões para estar preocupada em proteger e defender a integridade física e psicológica de suas netas. Cuida-se de um dever não só moral, como legal. São manifestamente equivocadas e injustas quaisquer críticas que não reconheçam a legitimidade de seus atos e de suas intenções.

Por outro lado, também registro o meu amor pela minha filha Gabriela Câmara e rogo para que ela, reconsiderando a sua posição, compreenda que as atitudes de sua mãe são as mais precavidas e cuidadosas neste momento.

Sobre os graves fatos que foram noticiados, comunico que tenho grande confiança na capacidade de apuração das instituições públicas envolvidas no assunto e de julgamento do Poder Judiciário, razão pela qual deixo de emitir qualquer juízo de valor no momento.

Peço a Deus para que tudo seja rapidamente esclarecido e para que possamos seguir para um futuro de feliz convivência e equilíbrio, certamente por Ele preparado!”, escreveu Silas Câmara.

Fonte: Radar Amazônico

Publicidade TCE
Publicidade UEA
Publicidade CMM

Mais Recentes