Ir para o conteúdo

Toada do Boi Garantido, 'Isa A Bella', toca em festa do BBB Isabelle evolui como na arena

Confira como foi a apresentação e saiba quem é o autor da música

Isabelle na evolução

Na madrugada desta quinta-feira (18), durante uma festa na casa do Big Brother Brasil, a toada "Isa A Bella", composta por Paulinho Du Sagrado, para a cunhã-poranga Isabelle Nogueira, ganhou as telas da Rede Globo e a cunhã evoluiu para seus colegas de confinamento, apresentando sua evolução, como faz na arena do Bumbódromo, em Parintins.

Sobre a toada, o compositor Paulinho Du Sagrado, comenta a inspiração e a repercussão nacional. "A composição 'Isa A Bella', é o resultado de um conjunto de fatores positivos, atribuídos a beleza estética que representa o empoderamento e a resiliência da mulher amazonida. Enquanto a sua execução no BBB, fico feliz em poder estar contribuindo com a cultura folclórica do amazonense, especialmente o povo parintinense", afirmou ele.

A performance, que foi registrada em vídeo, rapidamente se propagou pelas redes sociais, atraindo a atenção de um dos mais importantes influenciadores do Brasil, Hugo Gloss, que deu destaque ao momento em seu perfil oficial no Instagram. A repercussão também despertou entusiasmo entre os torcedores dos Boi Garantido e do boi contrário, demonstrando a força e a relevância cultural das manifestações artísticas do norte do país.

Antes da festa no Big Brother, Isabelle compartilhou com os demais participantes que possui uma toada própria que carrega em sua letra, a força e o empoderamento da mulher amazônida. Além disso, Isabelle fez questão de elogiar a cunhã-poranga do boi contrario, Marciele Albuquerque, que é sua adversária no item 9, no Festival de Parintins, destacando sua competência com grande respeito e admiração.

A toada "Isa A Bela", é interpretada pela Voz da Amazônia, David Assayag e faz parte do álbum "Amazônia do Povo Vermelho" de 2022, que conquistou o Prêmio da Música Brasileira (PMB), em 2023, na categoria regional, consolidando-se como um ícone representativo da rica e vibrante tradição cultural de Parintins e do Amazonas.

Sobre o autor da toada

Paulinho Dú Sagrado, parintinense, completou no dia 12 de novembro do ano passado, 61 anos. Ele costuma lembrar que começou a brincar de boi quando o mestre Lindolfo Monteverde (criador do Boi Garantido) ainda era o homem que organizava e botava o Garantido nas ruas de Parintins, isso no início da década de 1970.

Músico com expressiva influência da música latino-americana, característica da MPB anos 1960, é pródigo em tocar o “cuatro venezuelano”, instrumento parecido com o ukulele havaiano. O nome artístico é uma invenção do jornalista Floriano Lins, ainda nos anos de 1960, uma alusão à comunidade do Sagrado Coração de Jesus, em Parintins, cidade natal.

Paulinho é um dos pioneiros das bandas de boi-bumbá que começaram a ganhar fama com o aumento da visibilidade do Festival Folclórico de Parintins, na década de 1990. Autor de toadas como “Povo de Alma Vermelha”, “Consciência Negra”, “ No compasso da emoção”, “Auto da Resistência Cultural”,  “O Sonho de Kanypaye-RO”, e tantas outras.

Publicidade TCE
Publicidade UEA
Publicidade CMM

Mais Recentes