Ir para o conteúdo

Dito & Feito - Eduardo Braga bate de frente com Marina

"BR-319 ainda não foi asfaltada “por questões políticas e não de orçamento”, dispara Braga.

Charge de Mário Adolfo

A BR-319 não foi pavimentada até hoje por “uma questão mais política do que de orçamento”. A advertência é do senador Eduardo Braga (MDB-AM), que aproveitou a deixa  para disparar críticas também  á ministra Marina Silva que virou saco de pancadas de políticos do Amazonas quando o tema é BR-319. Afinal, é a  ministra do Meio Ambiente que  decide sobre os licenciamentos avaliados pelo Ibama.

—  Diferente do que disse a Marina Silva, a BR-319  não é uma estrada para passeio. É uma estrada que fará a diferença entre o futuro de desenvolvimento, geração de emprego e renda ou o isolamento do Amazonas e de Manaus em momentos de crise climática  –, detonou Braga.

Tem dinheiro...

Em sua análise, o ex-governador do Amazonas afirma que a recuperação da rodovia custaria R$ 2 bilhões aos cofres públicos.

*

E o  recurso não seria um problema, porque o  Departamento de Infraestrutura de Transportes (DNIT), órgão do  Ministério dos Transportes teve disponível em 2023 cerca de R$ 30 bilhões para investimentos no país.

...Dá pra fazer!

E mais,  para esse ano, a estimativa seria de R$ 50 bilhões para a mesma finalidade.

Vidas secas

Para cobrar a revitalização da BR-319, Eduardo citou o exemplo do sofrimento enfrentado pelo Amazonas na seca de 2023.

Com a   estiagem histórica,  a navegação no rio Madeira, paralelo ao percurso da BR-319, foi interrompida pela Marinha.

*

— A seca do ano passado mostrou mais uma vez que essa rodovia é a diferença entre estarmos isolados, sem logística para abastecer o Amazonas, e termos uma alternativa local da logística para o Amazonas e Roraima –, comentou.

Escapou da guilhotina

O Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) formou maioria contrária à cassação do senador Sergio Moro.

Sexto desembargador a votar de um total de sete, Anderson Fogaça apontou, logo ao início de seu pronunciamento, que iria acompanhar o relator Luciano Falavinha.

*

Dito e feito.  Acabou fazendo integralmente, conferindo o quarto voto pela absolvição e garantindo o resultado favorável ao ex-juiz.

Petróleo é nosso

Comissão de Meio Ambiente (CMA) realiza nesta quinta-feira (11), às 9h, audiência pública para debater as potencialidades econômicas das reservas de petróleo e gás na chamada margem equatorial brasileira.

Condições ambientais

A iniciativa do senador Beto Faro (PT-PA), a Audiência Pública vai debater os desafios para a garantia de condições ambientais seguras para a exploração desses recursos.

*

A chamada margem equatorial abrange uma área com mais de 2,2 mil quilômetros de litoral que vai do Rio Grande do Norte ao Oiapoque, no Amapá.

Controvérsias

A área tem sido objeto de controvérsias, tendo em vista a intenção do Brasil em explorar as prováveis reservas volumosas de petróleo da região.

*

Alega-se que tal atividade poderá resultar em prováveis tragédias ambientais, o que afetaria diretamente o território amazônico.

11 bilhões de barris

Por outro lado, os mais de 11 bilhões de barris em reservas provadas em regiões das Guianas e Suriname alimentam as avaliações promissoras da margem equatorial, ressalta o requerimento da audiência pública.

O Pestinha

Renana Bolsonaro: Endereço no estádio Mané Garrincha

O banco Santander solicitou à Justiça do Distrito Federal uma pesquisa de ativos de Jair Renan Bolsonaro, com o objetivo de apreender bens, como veículos ou imóveis, devido a uma dívida do “filho 04” no valor de R$ 360.241,11.

*

A 1ª Vara de Execução de Títulos Extrajudiciais e Conflitos Arbitrais de Brasília afirma deu um prazo de três dias, contados da citação, para Renan pagar a dívida, acrescido de correção monetária, juros de mora, custas e honorários.

O Pestinha 2

De acordo com o Tribunal de Justiça do Distrito Federal o pedido ocorreu pois não foi possível entregar a intimação a Jair Renan por três vezes.

*

O endereço que consta no documento, bem como da RB Eventos e Mídia, no qual também é alvo da ação, é o Estádio Mané Garrincha.

ÚLTIMA HORA

DIA HISTÓRICO – Governo do Amazonas concede licença para exploração de potássio em Autazes

Fazendo história: Wilson LIma entrega licenciamento para exploração do potássio em Autazes

O governador Wilson Lima deu um importante passo, nesta terça-feira (9)   que ficará registrado em  sua biografia política. Foi o governante que, finalmente,  conseguiu destravar a  novela do potássio no Amazonas que se arrastava há e 15 anos. Depois de intensas  batalhas jurídicas e disputas de interesses, parece que o imbróglio c a respeito da exploração de potássio na floresta Amazônica chegou ao fim. O Governo do Amazonas entregou à Potássio Brasil a primeira licença ambiental para instalação do Projeto Potássio Autazes.

Com a licença em mãos, a expectativa da Potássio do Brasil é investir cerca de US$ 2,5 bilhões na construção e exploração da mina. Controlada pela canadense Forbes&Manhattan, a empresa anunciou a descoberta da área em 2010. De lá para cá, cerca de R$ 1 bilhão já foram investidos no projeto.

*

A licença concedida hoje autoriza a instalação da unidade fabril da mina. A expectativa do governo é que sejam gerados 2,6 mil empregos ao longo dos próximos quatro anos e meio. Na fase de operação, a fábrica vai gerar 1,3 mil empregos diretos e outros 16 mil indiretos.

ORGULHO

Zyah Breckrock, o cão farejador, levou a polícia aos fugitivos de Mossoró 

A recaptura de Deibson Cabrail Nascimento e Rogério Silva Mendonça, fugitivos que passaram 50 dias em fuga após deixarem a Penitenciária Federal de Mossoró, uniu trabalhos de diversas forças de segurança nas últimas semanas. E um dos destaques foi Zyah Breckrock, o cão mais experiente do Grupamento de Operações com Cães (GOC) da Guarda Municipal de Marabá, no Pará,       que teve participação ativa. O cão localizou em menos de três minutos, no último sábado, 6, um fuzil 5.56 em um dos carros utilizados pelos fugitivos. Além da arma, dois carregadores e 55 munições também foram apreendidas no veículo. Zyah é um pastor belga malinois de 10 anos e foi o primeiro animal a integrar o GOC em Marabá. Ele é especialista em detecção de armas, drogas e busca de pessoas desaparecidas, motivo pelo qual foi acionado no último sábado.

Apesar dos serviços prestados na apreensão da arma, o cão já está aposentado dos trabalhos desde os oito anos de idade. Como ele é muito bom com armamentos, vez por outra é acionado.

VERGONHA

O Estado Islâmico concentra sua atenção nos jogos das quartas de final da Liga dos Campeões como alvo de um ataque terrorista. Na última hora desta segunda-feira, a Fundação Al-Azaim e Sarh al-Khilafah, meios afiliados aos jihadistas, compartilharam várias imagens ameaçando os estádios onde ocorrerão os jogos da competição europeia de futebol, localizados em Londres, Paris e Madrid, acompanhadas do texto: “matar todos eles”.

Publicidade ENEVA
Publicidade ATEM
Publicidade TCE
Publicidade BEMOL
Publicidade UEA

Mais Recentes